www.igrejacristafiladelfia.com

>>IMPRIMIR PÁGINA.

NEEMIAS.

 

          BIOGRAFIA DE NEEMIAS

          Neemias significa: Javé conforta. Era copeiro do rei Artaxerxes, um rei poderoso. Ele liderou um grupo que voltou do cativeiro para Jerusalém, onde foi governador e realizou reformas. Foi um homem de habilidade, coragem e ação. Em tudo dependia de Deus, a quem constantemente recorria em oração.

          O livro de Esdras no cânon das Escrituras hebraicas, formava um só livro com o de Esdras.     

          HISTÓRIA DE NEEMIAS

          No mês de Quislev, que é aproximadamente entre novembro/dezembro, no vigésimo ano do rei Artaxerxes. Neemias perguntou sobre os judeus que restaram do cativeiro e lhe responderam que os sobreviventes do cativeiro estavam lá na província e passavam por grande sofrimento e humilhação e que o muro de Jerusalém foi derrubado e as portas destruídas pelo fogo (Ne 1:1-3).

NEEMIAS 1:1-3 1 AS palavras de Neemias, filho de Hacalias. E sucedeu no mês de Quislev, no ano vigésimo, estando eu em Susã, a fortaleza, 2 Que veio Hanani, um de meus irmãos, ele e alguns de Judá; e perguntei-lhes pelos judeus que escaparam, e que restaram do cativeiro, e acerca de Jerusalém. 3 E disseram-me: Os restantes, que ficaram do cativeiro, lá na província estão em grande miséria e desprezo; e o muro de Jerusalém fendido e as suas portas queimadas a fogo.

          No primeiro capítulo ainda, diz que Neemias ao ouvir a situação de Jerusalém chorou e lamentou por alguns dias, onde ele jejuou e orou ao Deus dos céus (Ne 1:4).

NEEMIAS 1:4  E sucedeu que, ouvindo eu estas palavras, assentei-me e chorei, e lamentei por alguns dias; e estive jejuando e orando perante o Deus dos céus.

          Ainda na sua oração ele confessa o pecado, enfim a infidelidade dos israelitas perante o SENHOR, reconhecendo o que Moisés havia dito de que se fossem infiéis, Deus os espalharia entre as nações e que se obedecessem aos mandamentos do SENHOR, trazia-os de volta para o lugar estabelecido (Ne 1:8; Lv 26:23-24, 33; Dt 28:15, 64). Pediu a Deus ainda que abençoasse-o para ser bem sucedido neste negócio.

NEEMIAS 1:8 Lembra-te, pois, da palavra que ordenaste a Moisés, teu servo, dizendo: Vós transgredireis, e eu vos espalharei entre os povos.

LEVÍTICOS 26:23-24, 33 23 Se ainda com estas coisas não vos corrigirdes voltando para mim, mas ainda andardes contrariamente para comigo, 24 Eu também andarei contrariamente para convosco, e eu, eu mesmo, vos ferirei sete vezes mais por causa dos vossos pecados. ... 33 E espalhar-vos-ei entre as nações, e desembainharei a espada atrás de vós; e a vossa terra será assolada, e as vossas cidades serão desertas.

DEUTERONÔMIO 28:15, 64  15 Será, porém, que, se não deres ouvidos à voz do SENHOR teu Deus, para não cuidares em cumprir todos os seus mandamentos e os seus estatutos, que hoje te ordeno, então virão sobre ti todas estas maldições, e te alcançarão: ... 64 E o SENHOR vos espalhará entre todos os povos, desde uma extremidade da terra até à outra; e ali servireis a outros deuses que não conheceste, nem tu nem teus pais; ao pau e à pedra.

          Neste caso, vemos a preocupação e fidelidade de Neemias com a restauração de Jerusalém, além do mais a confiança e dedicação que tinha a Deus, porque na sua angústia, clamou a Deus, pedindo benevolência*. O sucesso na obra ele confiou e pediu a Deus, isto é exemplo para todo e qualquer cristão.

     INTRODUÇÃO

          Aprendemos com Neemias que devemos buscar a vontade de Deus e o bem de seu povo. O rei Artaxerxes percebeu a tristeza de seu copeiro, e perguntou o motivo. Ele explicou a sua preocupação com o povo em Jerusalém. Quando o rei ofereceu ajuda, Neemias orou a Deus e fez seus pedidos ao rei: 1) Pediu para ir a Jerusalém para reedificar a cidade; 2) Cartas para assegurar sua passagem pelas províncias* no caminho; 3) Autorização para o uso de madeiras da floresta na construção. Pela bondade e propósito de Deus, o rei deu tudo que Neemias pediu, e assim foi ele para Jerusalém.

          Foi um modelo de liderança: servo, líder, motivador. Podemos dizer que Neemias foi um dos maiores líderes da Bíblia. Ele orava, planejava, lidava com o seu e o desânimo dos outros, estabelecia alvos, motivava as pessoas, lidava com a ira e outras emoções negativas, lidava com o sucesso, etc.

          Se meditarmos no seu livro, vemos que um das palavras-chaves do livro é oração e trabalho.

          NEEMIAS EM JERUSALÉM

          No ano vigésimo do rei Artaxerxes, no mês de Nisã, que é aproximadamente entre março/abril. Justificou ao rei sua tristeza dizendo que a cidade que foram sepultados seus pais estava em ruínas e as portas destruídas pelo fogo (Ne 2:3).

NEEMIAS 2:3 E disseram-me: Os restantes, que ficaram do cativeiro, lá na província estão em grande miséria e desprezo; e o muro de Jerusalém fendido e as suas portas queimadas a fogo    .

          Antes de pedir ao rei, vemos que Neemias orou a Deus (Ne 2:4). Deus entregou a vitória e assim o rei permitiu num prazo determinado que Neemias fosse reconstruir a cidade.

NEEMIAS 2:4 E o rei me disse: Que me pedes agora? Então orei ao Deus dos céus,

          É importante orar e planejar antes de agir. Neemias faz inspeção dos muros de Jerusalém

           Ao chegar em Jerusalém, ele esperou três dias (Ne 2:11) para começar o seu trabalho. Neemias saiu a noite com alguns amigos, sem dizer a ninguém o que Deus havia posto no seu coração com relação o que iria fazer por Jerusalém (Ne 2:12, 16). Percorreu a cidade de Jerusalém, fazendo vistorias das muralhas. Após a inspeção, falou das condições de destruição dos muros e portas de Jerusalém, e o povo aceitou o convite dele para reconstrução dos muros de Jerusalém.

NEEMIAS 2:11 E cheguei a Jerusalém, e estive ali três dias.

NEEMIAS 2:12 E de noite me levantei, eu e poucos homens comigo, e não declarei a ninguém o que o meu Deus me pôs no coração para fazer em Jerusalém; e não havia comigo animal algum, senão aquele em que estava montado. ... 16 E não souberam os magistrados aonde eu fora nem o que eu fazia; porque ainda nem aos judeus, nem aos sacerdotes, nem aos nobres, nem aos magistrados, nem aos mais que faziam a obra, até então tinha declarado coisa alguma.

          Mas como todo o propósito de Deus, satanás também tem seus planos e foi onde usou Sambalate, o horonita, Tobias, o oficial amonita, e Gesém, o árabe, souberam disso, zombaram dos judeus (Ne 2:19), enfim das pessoas que iriam reconstruir Jerusalém, isto tudo para tentar impedir a obra. Mas Neemias não baixou a cabeça disse que o Deus dos céus iria fazê-los bem sucedidos e que estes opositores não teria parte sobre Jerusalém (Ne 2:20).

NEEMIAS 2:19-20 19 O que ouvindo Sambalate, o horonita, e Tobias, o servo amonita, e Gesém, o árabe, zombaram de nós, e desprezaram-nos, e disseram: Que é isto que fazeis? Quereis rebelar-vos contra o rei? 20 Então lhes respondi, e disse: O Deus dos céus é o que nos fará prosperar: e nós, seus servos, nos levantaremos e edificaremos; mas vós não tendes parte, nem justiça, nem memória em Jerusalém.

          A fidelidade, perseverança, juntamente com a confiança em Deus foi a motivação de Neemias para fazer a obra, restaurando Jerusalém, porque conforme Deus tem um plano e usa seus servos, satanás também tem seu plano opositor, tentando frustar os planos de Deus, mas se não dermos ouvidos aos inimigos e continuarmos a fazer a vontade de Deus, Ele concederá a vitória, porque após a luta e/ou tribulações, certo, o cristão terá a vitória.

          O trabalho bem-sucedido no reino de Deus depende da nossa disposição e cooperação

NEEMIAS 2:19-20 19 O que ouvindo Sambalate, o horonita, e Tobias, o servo amonita, e Gesém, o árabe, zombaram de nós, e desprezaram-nos, e disseram: Que é isto que fazeis? Quereis rebelar-vos contra o rei? 20 Então lhes respondi, e disse: O Deus dos céus é o que nos fará prosperar: e nós, seus servos, nos levantaremos e edificaremos; mas vós não tendes parte, nem justiça, nem memória em Jerusalém.

          Neemias não cedeu à pressão dos inimigos, confiou em Deus, não dando crédito a eles. Tentaram provocar medo, mas Deus era ele, as ameaças não impediram o trabalho do Senhor. Assim é na vida do cristão, como foi na vida de outros cristãos no passado (Ap 12:11).

APOCALIPSE 12:11 E eles o venceram pelo sangue do Cordeiro e pela palavra do seu testemunho; e não amaram as suas vidas até à morte.

          A DISTRIBUIÇÃO DO TRABALHO

          A distribuição do trabalho foi feito, onde cada grupo de pessoas construía determinado trecho. Contudo, podemos analisar que Neemias, com sua total dependência de Deus, foi também um bom administrador, sabendo e determinando a responsabilidade de cada um. Cada um fez um determinado reparo, seja construção de portas, pois foram várias portas, onde cada uma era um grupo diferente e assim sucessivamente. Esta distribuição está relatado no capítulo 3 do próprio livro de Neemias.

          A motivação e força vem do Senhor se buscarmos e dependermos de Deus. Assim foi no trabalho prático na obra,  ... porque o coração do povo se inclinava a trabalhar (Ne 4:6b). Quantas vezes falhamos na obra de Deus por desânimo, mas é preciso vencer o desânimo, e isto através da dependência de Deus.

          OPOSIÇÃO A CONSTRUÇÃO

          Muitas foram as tentações para impedir o trabalhar na recuperação dos muros e portas de Jerusalém. Novamente os inimigos, como Sambalate e seu grupo zombaram dos judeus. Mas Neemias novamente confiou sua vingança nas mãos do SENHOR, orando e colocando os opositores nas mãos do SENHOR e continuaram a obra sem parar por causa destas provas (Ne 4:4-6). De Deus vem a resposta, basta confiarmos a obra que fazemos em suas mãos (Pv 3:34).

NEEMIAS 4:4-6 4 Ouve, ó nosso Deus, que somos tão desprezados, e torna o seu opróbrio sobre a sua cabeça, e dá-los por presa, na terra do cativeiro. 5 E não cubras a sua iniqüidade, e não se risque de diante de ti o seu pecado, pois que te irritaram na presença dos edificadores. 6 Porém edificamos o muro, e todo o muro se fechou até sua metade; porque o coração do povo se inclinava a trabalhar.

PROVÉRBIO 3:34 Certamente ele escarnecerá dos escarnecedores, mas dará graça aos mansos.

          Mais adiante, vendo Sambalate e os demais inimigos que a obra tinha avançado, as brechas estavam sendo tampadas, eles ficaram furiosos (Ne 4:7-8) e todos juntos tentaram causar confusão, atacando Jerusalém. Mas os judeus oraram a Deus e colocaram guardas para proteger deles (Ne 4:9). De todos os lados os judeus seriam atacados, então foi feito uma estratégia, onde parte dos homens trabalhavam e parte ficavam com suas armas para proteger. Neemias era corajoso e encorajava o seu povo dizendo para não ter medo, isto é um exemplo de líder (Ne 4:13-15). Até de noite não podia sair de Jerusalém, esta foi a medida tomada, para que os inimigos não atacassem e a obra tivesse êxito, porque nosso Deus pelejará por nós (Ne 4:20b).

NEEMIAS 4:7-9 7 E sucedeu que, ouvindo Sambalate e Tobias, e os árabes, os amonitas, e os asdoditas, que tanto ia crescendo a reparação dos muros de Jerusalém, que já as roturas se começavam a tapar, iraram-se sobremodo, 8 E ligaram-se entre si todos, para virem guerrear contra Jerusalém, e para os desviarem do seu intento. 9 Porém nós oramos ao nosso Deus e pusemos uma guarda contra eles, de dia e de noite, por causa deles.

NEEMIAS 4:13-15 13 Então pus guardas nos lugares baixos por detrás do muro e nos altos; e pus ao povo pelas suas famílias com as suas espadas, com as suas lanças, e com os seus arcos. 14 E olhei, e levantei-me, e disse aos nobres, aos magistrados, e ao restante do povo: Não os temais; lembrai-vos do grande e terrível Senhor, e pelejai pelos vossos irmãos, vossos filhos, vossas mulheres e vossas casas. 15 E sucedeu que, ouvindo os nossos inimigos que já o sabíamos, e que Deus tinha dissipado o conselho deles, todos voltamos ao muro, cada um à sua obra.

          Desde os tempos de Moisés, Deus pelejou para os seus escolhidos, motivou e ensinou a ter coragem juntamente com fé para marchar, independente da situação, Deus sempre preparou os caminhos para que o seus povo pudesse cumprir seus propósitos, mas para isso, necessitava crer e confiar Nele (Ex 14:14-15; Dt 1:30; Dt 3:22; Dt 20:4)

ÊXODO 14:14-15 14 O SENHOR pelejará por vós, e vós vos calareis. 15 Então disse o SENHOR a Moisés: Por que clamas a mim? Dize aos filhos de Israel que marchem.

DEUTERONÔMIO 1:30 O SENHOR vosso Deus que vai adiante de vós, ele pelejará por vós, conforme a tudo o que fez convosco, diante de vossos olhos, no Egito;

DEUTERONÔMIO 3:22 Não os temais, porque o SENHOR vosso Deus é o que peleja por vós.

DEUTERONÔMIO 20:4 Pois o SENHOR vosso Deus é o que vai convosco, a pelejar contra os vossos inimigos, para salvar-vos.

          A solução das injustiças sociais

          Houve uma reforma nas questões sociais do povo, pois se queixavam que haviam vendidos terras, pago impostos aos irmãos judeus e ainda assim sujeitar os filhos e filhas deles a escravidão. Ouvindo isto, Neemias ficou furioso, e repreendeu os nobres e oficiais por usarem de usura aos compatriotas*  (Ne 5:7), assim convocou uma grande reunião contra eles. Disse que a medida do possível compraria de volta os irmãos que foram vendidos a outros povos. Isto era uma orientação divina (Ne 5:8; Lv 25:48). Isto porque era uma obediência e temor a Deus não usar de usura com o próximo, cobrando juros (Ex 22:25; Lv 35:36).

NEEMIAS 5:7 7 E considerei comigo mesmo no meu coração; depois pelejei com os nobres e com os magistrados, e disse-lhes: Sois usurários cada um para com seu irmão. E convoquei contra eles uma grande assembléia.

NEEMIAS 5:8 E disse-lhes: Nós resgatamos os judeus, nossos irmãos, que foram vendidos às nações, segundo nossas posses; e vós outra vez venderíeis a vossos irmãos, ou vender-se-iam a nós? Então se calaram, e não acharam que responder.

ÊXODO 22:25 Se emprestares dinheiro ao meu povo, ao pobre que está contigo, não te haverás com ele como um usurário; não lhe imporeis usura.

LEVÍTICOS 25:36 Não tomarás dele juros, nem ganho; mas do teu Deus terás temor, para que teu irmão viva contigo.

LEVÍTICOS 25:48 Depois que se houver vendido, haverá resgate para ele; um de seus irmãos o poderá resgatar;

           Enfim, fez com que prometesses cumprir o combinado para que não mais fizesse isso e resgatassem os irmãos.

           EXEMPLO DE NEEMIAS COMO GOVERNADOR

          Também desde o dia em que me mandou que eu fosse seu governador na terra de Judá, desde o ano vinte, até ao ano trinta e dois do rei Artaxerxes, doze anos, nem eu nem meus irmãos comemos o pão do governador (Ne 5:14). Pois os primeiros governadores antes dele oprimia o povo e tomava pão e vinho, até seus auxiliares oprimiam o povo, mas ele não fez isso por temor a Deus (Ne 5:15). Mas ao contrário, o próprio Neemias se dedicou a obra de reparação dos muros e todos os seus auxiliares ajudaram também (Ne 5:16).

NEEMIAS 5:15-16 Mas os primeiros governadores, que foram antes de mim, oprimiram o povo, e tomaram-lhe pão e vinho e, além disso, quarenta siclos de prata, como também os seus servos dominavam sobre o povo; porém eu assim não fiz, por causa do temor de Deus. 16  Como também na obra deste muro fiz reparação, e terra nenhuma compramos; e todos os meus servos se ajuntaram ali à obra.

          Judeus e povos vizinhos que visitavam-os comeram na mesa com ele todos os dias. Apesar de tudo isso, jamais exigiu comida do governador, pois a servidão deste povo era grande (Ne 5:18).

NEEMIAS 5:18 E o que se preparava para cada dia era um boi e seis ovelhas escolhidas; também aves se me preparavam e, de dez em dez dias, muito vinho de todas as espécies; e nem por isso exigi o pão do governador, porquanto a servidão deste povo era grande.

          OUTRAS INTIMIDAÇÕES

          Sambalate e os demais inimigos, novamente tentaram intimar Neemias quando souberam que todo o muro foi reedificado, só faltava as portas, enviando a seguinte mensagem: Sambalate e Gesem mandaram dizer-me: Vem, e congreguemo-nos juntamente nas aldeias, no vale de Ono. Porém intentavam fazer-me mal. (Ne 6:2). E ele disse que não podia ir, mas os opositores insistiram quatros vezes. Na quinta vez mandou um homem de confiança com a mesma mensagem, mas dizendo ainda que estavam tramando em Jerusalém uma revolta e que isto seria dito ao rei, por isso queria conversar. Mesmo assim, Neemias refutou.

          Como homem temente a Deus, orou: Porque todos eles procuravam atemorizar-nos, dizendo: As suas mãos largarão a obra, e não se efetuará. Agora, pois, ó Deus, fortalece as minhas mãos. (Ne 6:9).

          Fim da Reconstrução

          Mesmo com oposições, houve o término da reconstrução dos muros. Foi no dia 25 do mês de elul, que é agosto/setembro, em 52 dias (Ne 6:15).

NEEMIAS 6:15 Acabou-se, pois, o muro aos vinte e cinco do mês de Elul; em cinqüenta e dois dias.

          O orgulho dos inimigos foi ferido, pois os povos vizinhos temeram, porque Deus havia ajudado nesta reedificação (Ne 6:16).

NEEMIAS 6:16  E sucedeu que, ouvindo-o todos os nossos inimigos, todos os povos que havia em redor de nós temeram, e abateram-se muito a seus próprios olhos; porque reconheceram que o nosso Deus fizera esta obra.

          Ainda foi designado após a construção das portas horário para fechar e abri-las, também sentinelas, uns para vigiar em postos no muro, outros para vigiar as casas.

          LISTA DOS EXILADOS QUE RETORNARAM

NEEMIAS 7:4-5 4  E era a cidade larga de espaço, e grande, porém pouco povo havia dentro dela; e ainda as casas não estavam edificadas. 5  Então o meu Deus me pôs no coração que ajuntasse os nobres, os magistrados e o povo, para registrar as genealogias; e achei o livro da genealogia dos que subiram primeiro e nele estava escrito o seguinte:

          Enfim, parte do capítulo 7 do livro de Neemias registra as famílias que retornaram a Jerusalém e Judá. Totalizando 42.360 homens, 67 além dos seus 7.337 servos e servas; havia entre eles 245 cantores e cantoras. 68 Possuíam 736 cavalos, 245 mulas,a 69 435 camelos e 6.720 jumentos (Ne 7:66-69).

NEEMIAS 66-69 67  Afora os seus servos e as suas servas, que foram sete mil, trezentos e trinta e sete; e tinham duzentos e quarenta e cinco cantores e cantoras. 68  Os seus cavalos, setecentos e trinta e seis; os seus mulos, duzentos e quarenta e cinco. 69  Camelos, quatrocentos e trinta e cinco; jumentos, seis mil, setecentos e vinte.

          A LEITURA PÚBLICA DA LEI

          Neemias era governador de coragem, habilidade e ação, dependia em tudo de Deus, ao qual recorria constantemente em oração. Neemias como governador, juntamente com Esdras que era sacerdote e escriba e os levitas instruíram o povo na leitura pública, ao qual todos tinha se juntado num só povo na praça, onde eles interpretavam as Escrituras ao povo. E disseram: que este dia seria consagrado ao SENHOR, que não seria de choro e lamentação (Ne 8:9-10).

NEEMIAS 8:9-10 9 E Neemias, que era o governador, e o sacerdote Esdras, o escriba, e os levitas que ensinavam ao povo, disseram a todo o povo: Este dia é consagrado ao SENHOR vosso Deus, então não vos lamenteis, nem choreis. Porque todo o povo chorava, ouvindo as palavras da lei. 10 Disse-lhes mais: Ide, comei as gorduras, e bebei as doçuras, e enviai porções aos que não têm nada preparado para si; porque este dia é consagrado ao nosso Senhor; portanto não vos entristeçais; porque a alegria do SENHOR é a vossa força.

          Analisando o contexto, vemos o governador Neemias deixa que os assuntos espirituais seja de Esdras e os levitas, pois era a área de atuação deles. Houve um despertamento espiritual, o povo chorava de arrependimento ao ouvir a Lei de Deus.

          Contudo, encontraram no livro da lei, pelo ministério de Moisés que os filhos de Israel habitassem em cabanas (que é festa dos tabernáculos), no sétimo mês (Lv 23:34, 42; Dt 16:13; Ne 8:14). E, de dia em dia, Esdras leu no livro da lei de Deus, desde o primeiro dia até ao derradeiro; e celebraram a solenidade da festa sete dias, e no oitavo dia, houve uma assembléia solene, segundo o rito. (Ne 8:18) (Lv 23:36; Nm 29:35).

LEVÍTICOS 23:34, 42 34 Fala aos filhos de Israel, dizendo: Aos quinze dias deste mês sétimo será a festa dos tabernáculos ao SENHOR por sete dias. ... 42 Sete dias habitareis em tendas; todos os naturais em Israel habitarão em tendas;

DEUTERONÔMIO 16:13 A festa dos tabernáculos celebrarás sete dias, quando tiveres colhido da tua eira e do teu lagar.

NEEMIAS 8:14 E acharam escrito na lei que o SENHOR ordenara, pelo ministério de Moisés, que os filhos de Israel habitassem em cabanas, na solenidade da festa, no sétimo mês.

LEVÍTICOS 23:36 Sete dias oferecereis ofertas queimadas ao SENHOR; ao oitavo dia tereis santa convocação, e oferecereis ofertas queimadas ao SENHOR; dia de proibição é, nenhum trabalho servil fareis.

NÚMEROS 29:35 No oitavo dia tereis dia de solenidade; nenhum trabalho servil fareis;

          ARREPENDIMENTO E CONFISSÃO DO POVO, BEM COMO O CONCERTO DO POVO

          No livro de Neemias, vemos em parte do capítulo 9 e 10 que o povo se arrependeu de seus pecados e confessou a Deus suas culpas, pois 1 E, NO dia vinte e quatro deste mês, ajuntaram-se os filhos de Israel com jejum e com sacos, e traziam terra sobre si. 2 E a descendência de Israel se apartou de todos os estrangeiros, e puseram-se em pé, e fizeram confissão pelos seus pecados e pelas iniqüidades de seus pais. 3 E, levantando-se no seu lugar, leram no livro da lei do SENHOR seu Deus uma quarta parte do dia; e na outra quarta parte fizeram confissão, e adoraram ao SENHOR seu Deus. (Neemias 9:1-3).

          O povo fez um acordo de forma a ter um concerto perante Deus. Pois foi Neemias como governador e sua equipe, o grupo de levitas, os líderes do povo. Assim, se separaram dos povos vizinhos, por amor a Lei de Deus. De forma que através desta reforma, eles assumiram a postura de obedecerem as leis e mandamentos de Deus (Ne 10:28-29). Foram 6 horas lendo a Palavra e mais 6 horas confessando os pecados e adorando a Deus.

NEEMIAS 10:28-29 28 E o restante do povo, os sacerdotes, os levitas, os porteiros, os cantores, os servidores do templo, todos os que se tinham separado dos povos das terras para a lei de Deus, suas mulheres, seus filhos e suas filhas, todos os que tinham conhecimento e entendimento, 29 Firmemente aderiram a seus irmãos os mais nobres dentre eles, e convieram num anátema e num juramento, de que andariam na lei de Deus, que foi dada pelo ministério de Moisés, servo de Deus; e de que guardariam e cumpririam todos os mandamentos do SENHOR nosso Senhor, e os seus juízos e os seus estatutos;

          REPOVOAMENTO DE JERUSALÉM

          Neste repovoamento, houve uma seleção das pessoas que iriam morar em Jerusalém e as outras pessoas que iriam morar em suas próprias cidades, ficando de cada 10 pessoas, 1 iria morar em Jerusalém e as outras 9 nas suas cidades, além de que todos os líderes do povo foram morar em Jerusalém. Também a seleção separou pessoas para habitarem em Judá.

          Dedicação dos muros

          Houve no entanto, dedicação dos muros. E na dedicação dos muros de Jerusalém buscaram os levitas de todos os seus lugares, para trazê-los, a fim de fazerem a dedicação com alegria, com louvores e com canto, saltérios, címbalos e com harpas. (Ne 12:27).

          O ministério do templo

          Nomearam pessoas encarregados dos depósitos onde se receberiam as contribuições gerais, bem como os dízimos (Ne 12:44-45). Os sacerdotes e levitas que ministravam no templo eram abençoados, pois ... observava os preceitos do seu Deus, e os da purificação; como também os cantores e porteiros, conforme ao mandado de Davi e de seu filho Salomão. (Ne 12:45; I Cr 25:1).

NEEMIAS 12:44-45 44 Também no mesmo dia se nomearam homens sobre as câmaras, dos tesouros, das ofertas alçadas, das primícias, dos dízimos, para ajuntarem nelas, dos campos das cidades, as partes da lei para os sacerdotes e para os levitas; porque Judá estava alegre por causa dos sacerdotes e dos levitas que assistiam ali. 45 E observava os preceitos do seu Deus, e os da purificação; como também os cantores e porteiros, conforme ao mandado de Davi e de seu filho Salomão.

I CRÔNICAS 25:1 E DAVI, juntamente com os capitães do exército, separou para o ministério os filhos de Asafe, e de Hemã, e de Jedutum, para profetizarem com harpas, com címbalos, e com saltérios; e este foi o número dos homens aptos para a obra do seu ministério:

          NEEMIAS REMOVE DIVERSOS ABUSOS

          Por fim, o livro de Neemias ainda relatas os abusos que foram removidos, afim de haver uma restauração dos israelitas, em outras palavras, as últimas reformas realizadas por ele.

          NAQUELE dia leu-se no livro de Moisés, aos ouvidos do povo; e achou-se escrito nele que os amonitas e os moabitas não entrassem jamais na congregação de Deus, 2 Porquanto não tinham saído ao encontro dos filhos de Israel com pão e água; antes contra eles assalariaram a Balaão para os amaldiçoar; porém o nosso Deus converteu a maldição em bênção. (Ne 13:1-2; Dt 23:3-4). Ao ouvir esta lei, apartarem-se de Israel toda mistura de pessoas.

DEUTERONÔMIO 23:3-4 3 Nenhum amonita nem moabita entrará na congregação do SENHOR; nem ainda a sua décima geração entrará na congregação do SENHOR eternamente. 4 Porquanto não saíram com pão e água, a receber-vos no caminho, quando saíeis do Egito; e porquanto alugaram contra ti a Balaão, filho de Beor, de Petor, de Mesopotâmia, para te amaldiçoar.

          PURIFICAÇÃO DO POVO, POR INTERMÉDIO DE NEEMIAS

          Algumas das reformas e purificações no meio do povo israelitas, através do governo de Neemias:

DEUTERONÔMIO 23:3-5 3 Nenhum amonita nem moabita entrará na congregação do SENHOR; nem ainda a sua décima geração entrará na congregação do SENHOR eternamente. 4 Porquanto não saíram com pão e água, a receber-vos no caminho, quando saíeis do Egito; e porquanto alugaram contra ti a Balaão, filho de Beor, de Petor, de Mesopotâmia, para te amaldiçoar. 5 Porém o SENHOR teu Deus não quis ouvir Balaão; antes o SENHOR teu Deus trocou em bênção a maldição; porquanto o SENHOR teu Deus te amava.

NEEMIAS 13:1 1 NAQUELE dia leu-se no livro de Moisés, aos ouvidos do povo; e achou-se escrito nele que os amonitas e os moabitas não entrassem jamais na congregação de Deus,

NEEMIAS 13:7-9 7 E voltando a Jerusalém, compreendi o mal que Eliasibe fizera para Tobias, fazendo-lhe uma câmara nos pátios da casa de Deus. 8 O que muito me desagradou; de sorte que lancei todos os móveis da casa de Tobias fora da câmara. 9 E, ordenando-o eu, purificaram as câmaras; e tornei a trazer para ali os utensílios da casa de Deus, com as ofertas de alimentos e o incenso.

NEEMIAS 13:10 Também entendi que os quinhões dos levitas não se lhes davam, de maneira que os levitas e os cantores, que faziam a obra, tinham fugido cada um para a sua terra.

NEEMIAS 13:11-14 11 Então contendi com os magistrados, e disse: Por que se desamparou a casa de Deus? Porém eu os ajuntei, e os restaurei no seu posto. 12 Então todo o Judá trouxe os dízimos do grão, do mosto e do azeite aos celeiros. 13 E por tesoureiros pus sobre os celeiros a Selemias, o sacerdote, e a Zadoque, o escrivão e a Pedaías, dentre os levitas; e com eles Hanã, filho de Zacur, o filho de Matanias; porque foram achados fiéis; e se lhes encarregou a eles a distribuição para seus irmãos. 14 Por isto, Deus meu, lembra-te de mim e não risques as beneficências que eu fiz à casa de meu Deus e às suas observâncias.

NEEMIAS 13:15-17 15 Naqueles dias vi em Judá os que pisavam lagares ao sábado e traziam feixes que carregavam sobre os jumentos; como também vinho, uvas e figos, e toda a espécie de cargas, que traziam a Jerusalém no dia de sábado; e protestei contra eles no dia em que vendiam mantimentos. 16 Também habitavam em Jerusalém tírios que traziam peixe e toda a mercadoria, que vendiam no sábado aos filhos de Judá, e em Jerusalém. 17 E contendi com os nobres de Judá, e lhes disse: Que mal é este que fazeis, profanando o dia de sábado?

ESDRAS 10:10-13 10 Então se levantou Esdras, o sacerdote, e disse-lhes: Vós tendes transgredido, e casastes com mulheres estrangeiras, aumentando a culpa de Israel. 11 Agora, pois, fazei confissão ao SENHOR Deus de vossos pais, e fazei a sua vontade; e apartai-vos dos povos das terras, e das mulheres estrangeiras. 12 E respondeu toda a congregação, e disse em altas vozes: Assim seja, conforme às tuas palavras nos convém fazer. 13 Porém o povo é muito, e também é tempo de grandes chuvas, e não se pode estar aqui fora; nem é obra de um dia nem de dois, porque somos muitos os que transgredimos neste negócio.

NEEMIAS 13:23-26 23 Vi também naqueles dias judeus que tinham casado com mulheres asdoditas, amonitas e moabitas. 24 E seus filhos falavam meio asdodita, e não podiam falar judaico, senão segundo a língua de cada povo. 25 E contendi com eles, e os amaldiçoei e espanquei alguns deles, e lhes arranquei os cabelos, e os fiz jurar por Deus, dizendo: Não dareis mais vossas filhas a seus filhos, e não tomareis mais suas filhas, nem para vossos filhos nem para vós mesmos. 26 Porventura não pecou nisto Salomão, rei de Israel, não havendo entre muitas nações rei semelhante a ele, e sendo ele amado de seu Deus, e pondo-o Deus rei sobre todo o Israel? E contudo as mulheres estrangeiras o fizeram pecar.

 

          ORTOGRAFIA

Benevolência: boa vontade para com alguém; O que tende a fazer o bem, bondoso, benfeitor.
Compatriota: que ou aquele que, em relação a outro ou outros, tem a mesma pátria.
Província: cada uma das regiões em que se divide um império, administrada por um representante do imperador (Et 1.1). Os atuais Estados do Brasil correspondem mais ou menos às províncias do tempo do Império.

 

Fonte: Diácono Jadiel Tonet.


©  Os ESTUDOS BÍBLICOS, são permitidos e recomendado, a cópia e redistribuição gratuita, uso em links,  para que todos possam ser edificados na Palavra de Deus, desde que indique a FONTE e o SITE:

www.igrejacristafiladelfia.com